Alimentados pela crença de que um Brasil melhor é possível

Mude a forma que o Brasil enfrenta a pobreza e dê esperança para uma família.

PIX: 12.772.787/0001-99
PIX: g10favelas
Instituto Escola do Povo

As situações nas favelas do BRASIL

nunca foram fáceis

Falta de saneamento

Desemprego

Desinformação

Algumas situações amedrontam os moradores. Por isso, qualquer quantia que você doar será para famílias como a do senhor Estanislau, nordestino de 60 anos.

Ele era o único que mantinha uma renda mensal para os 5 moradores de sua casa. Cinco pessoas que dependiam dele para se alimentar, tomar banho e sobreviver.

Com a pandemia, Sr. Estanislau ficou desempregado. Ele e todos os moradores que dependiam de sua renda ficaram sem comer durante dias. Mas com sorte, o encontramos a tempo.

E com o seu apoio, e o apoio de outros patrocinadores, o G10 Favelas conseguiu mais uma vez cumprir a sua missão:

Ajudar famílias carentes do Brasil com alimentação

Materiais essenciais para a sobrevivência

Educação e oportunidades mais justas.

Em 2021, você pode fazer a vida de milhares de famílias, como a do Sr. Estanislau, melhor. Porque isso não se trata de doar ou não doar…

Mas se trata de fazer a vida humana um pouco mais digna de ser vivida.

COMO FUNCIONA

Você doa

A sua doação é recolhida por nossos parceiros através de sistemas seguros e confiáveis.

Nós investimos em roupas, kits e marmitas

Usamos todo o dinheiro doado para comprar mais equipamentos essenciais no combate à pobreza, à fome e à desigualdade.

Milhares de pessoas são beneficiadas

Nossa missão é entregar para o máximo de pessoas possíveis uma vida digna e oportunidades para prosperarem.

PIX: 12.772.787/0001-99
PIX: g10favelas
Instituto Escola do Povo

DÊ ESPERANÇA PARA UMA FAMÍLIA

Se conseguimos lançar foguetes em Marte, podemos levar mais de 1 milhão de marmitas para quem precisa.

NOSSA MISSÃO

Estamos liderando uma comunidade de profissionais humanitários para criar um futuro onde todos possam prosperar.

Já entregamos cestas básicas, marmitas, kits de higiene, máscaras e uma vida mais digna para mais de 200 MIL PESSOAS. E com a sua ajuda, podemos DOBRAR esse número.

0
Cestas Básicas
0
Máscaras
0
Kits de Higiene
0
Marmitas

PIX: 12.772.787/0001-99
PIX: g10favelas
Instituto Escola do Povo

Quem somos

O G10 Favelas é uma organização sem fins lucrativos.

Somos um Bloco de Líderes e Empreendedores de Impacto Social das Favelas e todo o dinheiro doado é revertido em bens para as comunidades.

Em 2020 entregamos centenas de milhares de kits de higiene e cestas básicas, com o apoio e solidariedade de milhares de apoiadores.

Em 2021, com a sua ajuda, podemos fazer muito mais.

SIM! EU QUERO FORNECER AJUDA PARA AS COMUNIDADES DO BRASIL, DOANDO MENSALMENTE:

APOIO

R$ 50
00
  • Você ajuda a combater a fome e a pobreza de uma família.
ENVOLVA-SE

APOIO

R$ 150
00
  • Você permite que 3 famílias tenham acesso aos cuidados básicos para se protegerem do COVID-19
ENVOLVA-SE

APOIO

R$ 300
  • Seis famílias terão comida na mesa, cuidados básicos e se protejerão do Covid-19 com sua doação.
ENVOLVA-SE

Confira algumas de nossas ações:

A sua doação será de grande valor para realizar ações como estas, contamos com você para mudar a realidade de muitas famílias em 2021 .

Fazer a vida de alguém melhor só depende de você.

PIX: 12.772.787/0001-99
PIX: g10favelas
Instituto Escola do Povo

AÇÕES

Em resposta aos crescentes casos confirmados de COVID-19 em nosso país, organizamos 12 frentes de atuação para serem  implantadas nas favelas do Brasil. Estas iniciativas têm auxiliado lideranças de centenas de  comunidades  do país para diminuição da taxa de mortalidade por Covid-19.  As ações tomadas foram essenciais em tempo de pandemia para garantir atenção básica à saúde e a segurança alimentar, com resultados positivos, muitas delas foram replicadas em outros estados. Confira as ações do G10 Favelas nas comunidades.

Antes mesmo de ter sido decretada a quarentena no estado de São Paulo, Gilson Rodrigues junto a outras lideranças já estavam pensando como iriam poder atender as 21 mil famílias da comunidade. Foi quando decidiram criar o sistema de “presidentes de rua”, que reúne atualmente 658 voluntários. Cada presidente é responsável por atender as famílias em todos os aspectos, principalmente no apoio à saúde e alimentação. “Entendemos que para a agilidade e socorro deveríamos estar espalhados em Paraisópolis”, comenta Gilson Rodrigues. Para ser o Presidente de Rua o morador se cadastrou em uma plataforma desenvolvida para essa finalidade.

O Bistrô Mãos de Maria criou uma dinâmica para atender muitas pessoas que perderam o emprego e não tinham nem o que comer. Além de fortalecer mulheres, chefes de família e alimentar muitas pessoas, a iniciativa já entregou mais de 1 milhão de marmitas, que vêm sendo feitas por um grupo de mulheres que foram contratadas.

Em parceria com o Mãos de Maria comunidades como Heliópolis (SP), Coroadinho (MA), Baixada do Jurunas (PA), Casa Amarela (PE), Sol Nascente (DF), Aglomerado da Serra (MG), Alemão (RJ), Rocinha (RJ), também tem feito distribuições de marmitas.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) não chega na maioria das favelas. Muitas vezes o serviço demora horas para chegar ao seu destino. Então decidimos realizar a contratação de três ambulâncias, sendo uma delas UTI completa com respirador e as outras duas básicas para atender a população no geral.

As distribuições dos alimentos e kits de higiene são realizadas periodicamente pelos voluntários, de acordo com as necessidades das famílias atendidas. Ao todo foram entregues mais de 100 mil kits de higiene, mais de 100 mil cestas básicas e 11 mil cartões vales cestas básicas.

A plataforma Emprega Comunidade foi fundamental para conectar empresas e moradores de favelas do Brasil. A iniciativa apoia profissionais que foram dispensados de seus trabalhos devido ao novo coronavírus por meio da campanha “Adote uma Diarista”.

O projeto atendeu 1.032 diaristas apadrinhadas na campanha em Paraisópolis, para receber R$ 300,00 e cestas básicas ao longo de 3 meses. Em outros estados como Belo Horizonte (MG), Rio de Janeiro (RJ), São Luís (MA) e Brasília (DF), 700 mulheres foram adotadas pelo Adote uma Diarista.

Para enfrentar a crise gerada pela pandemia de forma que as costureiras não perdessem sua renda, a iniciativa Costurando Sonhos Brasil fez com que os profissionais trabalhassem diretamente de suas casas produzindo máscaras que são distribuídas para moradores da periferia. Foram distribuídas para moradores de periferias 270 mil máscaras.

A associação de moradores e o G10 pediram ao governo estadual para utilizar duas escolas públicas como centro de isolamento de pessoas infectadas. A medida possibilitou que os sintomáticos se isolassem de forma eficaz, sem colocar pessoas próximas e familiares em perigo.

Todo o processo tinha um protocolo de entrada feito em conjunto com as unidades básicas de saúde da comunidade ou hospital de referência para que garanta o encaminhamento das pessoas. Ao total foram 520 leitos para isolamento.

Oferecemos treinamento de Brigadistas Civis para atendimento emergencial durante a pandemia. A iniciativa capacitou 240 moradores da comunidade para a formação da primeira Brigada de Emergência de Primeiros Socorros de Paraisópolis para ajudar no combate ao novo Coronavírus. Foram instalados 60 bases na comunidade para atendimento pré hospitalar, além de contratação de 12 bombeiros civis

Nós criamos uma rede de apoio aos pequenos comerciantes da comunidade a realizarem as compras de insumos para as marmitas do Bistrô Mãos de Maria, como materiais descartáveis e alimentos, além de parcerias com restaurantes locais para ajudar no atendimento a demanda da produção de 10 mil marmitas. cerca de 4 milhões foram investidos no comércio local.

Todos os trabalhos realizados foram feitos em conjunto a um grupo de advogados para garantir que todas as ações do G10 das Favelas estão seguindo a legislação brasileira vigente. O corpo jurídico é responsável por atuar na reivindicação para garantir os direitos dos moradores de periferia quanto a saneamento básico, educação, por meio de ações coletivas.

O G10 das Favelas passou a organizar ações visando auxiliar outro grupo em situação de vulnerabilidade: imigrantes e refugiados que residem na capital paulistana. A ação tem ajudado cerca de 300 refugiados e imigrantes com doações de cestas básicas e kits de higiene.

Como ajudar ?

Bradesco

Agência: 2764- 2 | CC: 23233-5

CNPJ: 12.772.787/0001-99

pix: g10favelas
PIX: 12.772.787/0001-99

QR Code do nosso PIX. 🙂

INSTITUTO ESCOLA DO POVO - CNPJ: 12.772.787/0001-99

parceiros

NOTÍCIAS DO G10 FAVELAS

campanhas

Nos acompanhe nas redes sociais

2021 - Todos os direitos reservados | Nova Paraisópolis e G10 Favelas